Pular para o conteúdo principal

FGV na lista dos mestrados mais inovadores.

Leio no VALOR ECONÔMICO, uma excelente matéria sobre a FGV.

A Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV Direito SP) foi incluída na lista de mestrados mais inovadores da área compilada pelo jornal britânico "Financial Times". Ela foi a única instituição da América Latina a entrar na lista, formada por 98 escolas e dominada por nomes da Europa e Estados Unidos.

Esta é a sétima edição da lista anual do "FT", que destaca os programas de mestrado em direito (LLM) mais inovadores do mundo, e a segunda vez que a FGV Direito é incluída. A publicação considera métodos inovadores de ensino, a participação de alunos de outros países e a proximidade dos cursos com ensino de negócios.


No relatório, o jornal destaca a importância de profissionais de direito possuírem habilidades comerciais e visão global para se manterem atualizados no mercado de trabalho atual. Diferente dos rankings de melhores cursos de MBA publicados pelo jornal, a lista não elenca os programas por ordem de qualidade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gustavo Franco: "Precisamos falar sobre herança."

Neste domingo de outono brasileiro, Gustavo Franco é mais uma vez preciso e didático ao evidenciar a situação atual da economia brasileira. 
Segundo ele, "E não por acidente as quedas no PIB do biênio 2015 e 2016, que se espera que atinjam 3,8% e 3,8%, ultrapassam o que se observou nos anos da Grande Depressão, 1930-31, quando as quedas foram de 2,1% e 3,3%. É fundamental que se tenha clara a exata natureza e extensão da herança, para que as dores inerentes ao árduo trabalho de reconstrução financeira e fiscal do crédito público sejam associadas a quem produziu a doença, e não ao médico."
Um texto para ler e reler.
No ESTADÃO: http://opiniao.estadao.com.br/noticias/geral,precisamos-falar-sobre-heranca,10000053939

Revista EXAME: Como roubar uma empresa.

Brasil: PIB 2007 - 2017 com previsões otimistas? Melhor não...

Para iniciar esta semana, neste domingo de sol no nosso outono brasileiro e considerando que o primeiro trimestre de 2016 já é passado, vide acima os resultados do PIB brasileiro para o período de 2007 - 2017, evidentemente com as previsões para os anos de 2016 e 2017. 

Diante desses números e da complexa situação econômica e política brasileira, consideramos muito otimismo um resultado de 1,5% do PIB para 2017.
Porém, como sonhar ainda não está sendo tributado...