domingo, 19 de abril de 2009

ECONOMIA DO ESTADO DO PARÁ - QUAL O MODELO?

  • Em matéria no jornal O LIBERAL de hoje, o colega Sérgio Bacury, presidente do CORECON PA faz importante alerta sobre a situação econômica no estado do Pará. Segundo ele, as diferenças sociais vão se ampliar na próxima década. E desabafa: "O Pará não sabe o que quer. Não sabe se quer ser uma economia mineral, de agronegócio, de exportação de madeira. E como não se define, não define um modelo de desenvolvimento. Aí o futuro que vemos é o de ficarmos depedentes desses grandes empreendimentos, sobretudo os minerais, que não dinamizam a economia e ainda geram mais pobreza."

Um comentário:

elaine disse...

Não sei se to falando "besteira", mas existem tantos empresários(e um dos quais vc sabe de quem to falando) que atua em varios ramos e são bem sucedidos. Qual será será o segredo???
A boa administração, trabalho, perseverança, profissionais que trabalham pra um mesmo objetivo, etc. Infelizmente as palavras são bonitas, tudo sabemos, para que se possa melhorar....Porém administrar um estado chamado Pará, onde se tem cada "interessado" puxando a sua "sardinha"(ou filhote,rssrr) pro seu lado...Enfim, "lamentável"...